The Manchester Terror Attack. É um “falso ataque”?

 

Por Peter Koenig
Global Research, 27 de maio de 2017
URL deste artigo:
http://www.globalresearch.ca/the-manchester-terror-attack-is-it-a-false-flag/5592055

Apesar das inúmeras inconsistências nos relatos oficiais da narrativa e da polícia do governo do Reino Unido, o ponto de interrogação “False Flag” desapareceu em grande parte do domínio do debate público.

Considere isto:

  • Desde 9/11 – e cada vez mais – qualquer evento de massa no Ocidente, notadamente na Europa e nos EUA, como o concerto pop da cantora norte-americana Ariana Grande, em Manchester, no dia 22 de maio, seria cordonado e super garantido. Como pode o terrorista com sua bomba artesanal (sob o braço ou debaixo de seu cinto?) Passar pela segurança? Em qualquer caso, ele está convenientemente morto, outra testemunha acabou.
  • É um mistério, como o “perpetrador” foi identificado nos EUA, por uma fonte não identificada, quando a explosão assassina aconteceu em Manchester, cerca de 8.000 km do outro lado do Atlântico – e, o mais importante – o “suicida” Seu agora ‘ID lendário’ atrás, seu cartão de banco de plástico – na cena do crime – não nos EUA?
  • Sozinho o facto – ou o facto suposto – de que o jovem assassino muçulmano deixou sua identificação notória para trás, tornou-se um padrão ridículo que nem mesmo o mais firme defensor dos principais relatórios podem ignorar. Ou ele pode? Como é que quase ninguém do público em geral questiona essas tolices?
  • Os exercícios de terror ocorreram em várias cidades do Reino Unido pouco antes da explosão do concerto de Manchester em 22 de maio. Este é um padrão típico visto antes de outras cenas “terroristas”, ou seja, o bombardeio da Maratona de Boston.

Ainda existem dúplices de olhos azuis por aí? Aqueles que se aquecem em sua zona de conforto, sem ser perturbados por fatos, acreditam mais uma mentira do que a verdade? – Enfrentar a verdade significa muitas vezes confrontar a sua própria vida, e isso é difícil para a maioria das pessoas. Admitindo que a sua vida tem sido uma farsa, porque você sempre acreditou em uma farsa e nunca procurou a verdade, mesmo que você sabia, ou sentiu no fundo de sua mente, a verdade estava lá, mas a mentira confortável e engano É mais fácil de engolir do que a dura e inconveniente realidade.

Críticos e especialistas que acreditam que esses ataques de “terror” são blowbacks de nossas guerras ocidentais – pense novamente. ISIS / Daesh, Al-Qaeda e tudo o mais que esses grupos terroristas islâmicos são chamados, são a criação do Ocidente, isto é CIA, MI6, Mossad. Eles são basicamente financiados por Washington, Israel, Arábia Saudita, outros reinos do Golfo e Turquia.

Qual é o papel desses serviços secretos? Essas horrendas matanças estão sob a aparência de um “ataque terrorista” islâmico, sendo usado como pretexto e justificação, para que as potências ocidentais possam se envolver em mais guerras, mais atrocidades, mais assassinatos no Oriente Médio e onde mais quiser eles. Isso é o que se chama ‘False Flags’.

Nós, o Povo, devemos despertar para esses factos. Só a conscientização pode eventualmente detê-los. O direito internacional é cooptado e corrompido pelo pântano do estabelecimento. Enquanto não tivermos um sistema de justiça de Nuremberg que persiga e ponha de lado esses instigadores de guerra, as sociedades ocidentais serão subjugadas a um aparelho policial cada vez maior.

Anúncios

Deixa um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s