Introdução da “Globalização da Roubalheira”

Chegou cá, mas como a súcia sugou a estes pais a liquidez e criou-lhe a divida ao emprestar-lhe o dinheiro que roubou, NADA DEVE.

Por outras palavras, mais claras, Portugal NADA DEVE porque os cofres dos Rothschilds abarrotaram com o dinheiro roubado, enquanto a Banca, ao ficar na penúria, acabou por ser financiada, ficando a eles endividada com o dinheiro roubado que lhes roubou e ao ousarem cobrar juros à Banca transformou-se noutro roubo e ficaram também credores por todo esse dinheiro roubado. Além de tudo isto, também através do dinheiro roubado, passaram a ter o direito de executar dívidas, recorrendo a penhoras. Todos estes esquemas foram calculados pelos rapinas que desfrutam da posição confortável de ladrões autorizados a roubar o que lhes apetece. (1)

Este conforto é autenticado pelo governo, pau mandado dos Rothschild, que determinaram o absurdo em que os empréstimos do dinheiro roubado, efectuados pelos sacerdotes da finança, devem ser pagos. Todas estas incongruências só podem ser explicadas porque o governo está enfeudado aos Rothschilds. Como a roubalheira aos bancos também não pára de atingir países e as populações, deduz-se que só parará quando esmifrarem totalmente pobres e ricos, até os Rothschilds completarem o roubo e ficarem na posse de incontáveis quatrilhões. Deste modo, acabará o dinheiro vivo e o colapso chegará e o cidadão ficará reduzido a um zombie perdido.

(Ao serem os Rothschilds que engendraram a divida, devem ser eles a pagar a este pais a parte dos quadriliões de dólares que roubaram aos bancos e nações do Planeta)

1

ROTHSCHILD AO ROUBAR QUADRILIÕES DE DÓLARES À BANCA TORNOU-SE NUM RÉU À SOLTA, DEVIDO À SUA CULPA NA BANCARROTA TOTAL. MAS A SÚSIA DE SERVOS ENCOBREM-NO! FAZEM ISTO DE BORLA OU COM MAQUIA?

A este respeito, o Protocolo nº2 do Judaismo Rothschildiano dos Sábios do Sião, exige: “Não devemos parar o suborno, a falsidade e a traição sempre que se trate de atingir os nossos fins. Na política deve-se saber como nos apoderar da propriedade dos outros sem hesitação.”

(1)    Aplica-se o Protocolo 20: As crises económicas foram fabricadas por nós para atingir o gado humano, retirando o dinheiro da circulação aos Estados, que serão forçados a recorrer a empréstimos, com juros exorbitantes, o que desfará todos os recursos dos povos e dos Estados.

Anúncios

Deixa um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s