A Rússia não deixará sem resposta o avanço da OTAN

Mais um artigo antigo que retrata a actualidade

O presidente da Federação Russa, Vladimir Putin, denunciou a política da OTAN como uma ameaça contra o equilíbrio estratégico e a paz mundial.

Na sede do ministério russo da Defesa, Vladimir Putin advertiu – a 27 de Fevereiro de 2013 – contra «as constantes tentativas empreendidas para perturbar de uma ou outra maneira o equilíbrio estratégico». Prosseguiu assinalando que os «Estados Unidos iniciaram uma segunda etapa da instalação do seu sistema mundial de defesa anti-míssil, explorando a possibilidade de uma posterior ampliação da OTAN para o leste. Existe, pois, o perigo de uma militarização do Ártico».

Em resposta, o ministro russo da Defesa, Serguei Choigu, anunciou a sua intenção de convocar a realização – em Moscovo em Maio próximo – de uma conferência internacional sobre a segurança na Europa para a qual serão convidados todos os países membros da OTAN.

Anúncios

Deixa um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s